Como gerar lucros humanizando uma marca

Atualizado: 11 de jul.



Você sabia que é possível trazer inovação humanizando uma marca? Quantas vezes você já entrou em contato com uma empresa, por telefone ou e-mail, e se viu na frente de uma resposta automática?


Bem, acho que muitas vezes você terá recebido a clássica mensagem de e-mail gerada automaticamente.


Um atendimento diferenciado com suporte humanizado é algo raro, mas você mesmo pode perceber o quanto faz diferença em qualquer negócio, seja em uma empresa de montagem mecânica industrial, ou uma empresa de consultoria.


A implementação de uma estratégia de comunicação humana implica uma revolução no paradigma comunicacional de uma marca, colocando em destaque uma melhor experiência do cliente para com a empresa.


Afinal, o que é humanização de marca?


A humanização de uma marca é um processo de confiança que facilita a relação com os clientes e facilita também a ação dos consumidores na escolha do serviço ou do produto.


Simplificando, humanizar uma marca significa ser agradável na maneira como você se comunica com os clientes.


A humanização de fato incorpora a ideia de cultivar uma personalidade de marca por meio de conexões significativas e memoráveis ​​com seu público-alvo. Essa humanização pode ser implementada em canais como:


  • Redes sociais,

  • Campanhas de e-mail;

  • Publicidade online;

  • Sites e blogs.


E não somente em canais virtuais, a humanização também é uma estratégia que pode ser implementada em eventos corporativos e confraternizações que são realizados na organização, por exemplo.


Todos os aspetos da empresa devem ser elaborados de forma a estabelecer uma conexão pessoal com o público.


Caso contrário, a marca parecerá fria e indiferente e você provavelmente perderá oportunidades de crescimento.


O que é marketing humano para humano (H2H)?


Como o nome sugere, essa é uma abordagem de marketing centrada no ser humano. Nesse modelo, as relações entre empresas e clientes se desenvolvem com base na humanização.


Este tipo de abordagem presta especial atenção aos clientes. Mais do que atender às suas necessidades, o principal objetivo desse tipo de marketing é garantir que o relacionamento tenha um rosto, uma voz que capture a essência da marca e a aproxime o suficiente para ser confiável.


Dicas para humanizar a marca e lucrar com isso


Já vimos o que é e a importância de humanizar uma marca, mas como fazer isso? Veja estas dicas para fazer sua marca alcançar maior fidelização e lucros através da humanização. Confira:


Utilize a estratégia de storytelling


É certo que o público ama tudo que é inserido na estratégia de mobile promocional, como promoções, descontos, itens gratuitos, etc.


Mas isso não proporciona fidelização e não gera conexão com a marca. Se você deseja se conectar ao seu público em um nível humano, você precisa apelar para as emoções.


Para conseguir isso, utilize o poder da narrativa e do storytelling. Isso significa manter uma linha única e atraente em toda a sua estratégia de marketing de conteúdo.


Comece com sua cópia longa em seu site. Você pode então usar, quebrar e redirecionar isso através de outras técnicas.


Crie vídeos, por exemplo, que atraiam usuários que preferem não ler. Compartilhe esses vídeos em seus canais de mídia social, criando um diálogo.


Você pode aplicar essa estratégia em seu site, blog, mídia social e em todos os canais em que queira compartilhar sua história.


Escreva para seu público, não para o Google


Essa é uma dica crucial para alcançar uma caraterística humanizada em um negócio, seja em uma empresa de construção civil ou empresa de projetos hidráulicos. Afinal, estar no mundo do Google é o objetivo de todo negócio hoje em dia.


Logo, tentar apelar para os algoritmos da plataforma de busca é frequentemente considerado um componente fundamental do marketing de conteúdo.


A realidade é, no entanto, que tentar adivinhar o Google é muitas vezes uma tarefa tola. Afinal, se o foco for somente esse, pode ser perigoso ser vítima de uma atualização inesperada de algoritmo do dia para noite.


A única maneira de evitar isso é focar seu conteúdo em humanos, não em máquinas. Provavelmente haverá variantes ao longo do caminho.


Nesse sentido, uma atualização de algoritmo em janeiro pode impulsionar seu site, enquanto outra em junho pode penalizá-lo, por exemplo. É muito relativo.


No entanto, se você continuar criando o conteúdo que seu público deseja, você manterá um público constante e leal.


Gere conteúdo de valor


Criar conteúdo pode ser um processo longo, desafiador e frustrante sem a fórmula certa, mas é crucial manter seu público engajado através de conteúdos que os motivem, os eduquem, que agregam valor de verdade.


Mesmo o fator cansativo em que é necessário produzir muito conteúdo – rápido – para manter suas páginas funcionando. Mesmo assim, é preciso pensar em conteúdos que realmente importam para seu público.


Digamos que você tenha uma fábrica de capachos personalizados e venda tapetes customizados. Sua página do Instagram precisa de um pouco de criatividade, mas você não sabe que tipo de conteúdo criar.


É aí que entra essa regra de conteúdos que geram valor para seus clientes. Mostre a importância de ter um tapete personalizado, mostre as experiências obtidas com seu produto. Ensine como fazer um, mesmo que você venda esse mesmo produto.


A educação traz iluminação, e todo mundo adora aprender algo novo. Acione esse sentimento com bastante frequência e seu público continuará cada vez mais engajado com sua marca.


Entretenha


Todo mundo adora humor, isso faz parte do ser humano. O riso é bom para a mente, coração e saúde mental. Fazer seu público rir dá a eles uma dose de dopamina que os mantém engajados com sua marca.


Se você criar conteúdos interativos ou de humor, como memes, piadas e esquetes divertidas, por exemplo, e compartilhar no seu feed (ou nos seus stories), você pode ver um aumento no engajamento depois de fazer isso.


Leve seus clientes para os bastidores


As pessoas adoram saber o que acontece por trás das portas fechadas de uma empresa, até mesmo de uma empresa de isolamento térmico industrial, por exemplo. Principalmente devido ao fator curiosidade.


Use suas contas de mídia social como Twitter, Instagram ou Facebook para mostrar fotos de seus funcionários trabalhando, ou apenas se divertindo no escritório. Isso coloca um “rosto” por trás do logotipo da sua empresa, o que dá aos seus clientes uma conexão com uma pessoa real.


Fale com seu público como se eles fossem seus amigos


Esta é uma dica muito importante. Ao construir sua marca, tenha a mentalidade de que você está conversando com alguém próximo a você.


Se você tiver a imagem de sua persona da forma mais próxima possível, será fácil trazer isso para a comunicação com seus clientes. Imagine-se, por exemplo, conversando com um membro da família interessado em comprar seu produto e escreva suas mensagens com base nisso.


Principalmente se você possui empresa de consultoria contábil para empresas, por exemplo, pode tornar esse processo de consultoria mais humanizado, ao invés de focar em negócios, foque em humano para humano, afinal, mesmo entre empresas há um dono, um diretor e toda uma gestão por trás delas.


Conte histórias de fracasso


Muitas vezes seu público se relaciona muito mais quando você compartilha seus fracassos do que quando compartilha seus sucessos.


Isso não significa que as empresas de manutenção elétrica industrial precisam revelar todos os bugs em seus softwares ou sobre o atraso semanal e a falta de motivação do gerente.


Não areje sua roupa suja, mas compartilhe histórias pessoais ou lições de vida aprendidas. Compartilhe com os leitores do seu blog histórias de superação de fracassos e compartilhe histórias de como seu negócio ajuda um cliente a superar o fracasso.


Invista no atendimento ao cliente


Você pode pensar que o atendimento ao cliente lida principalmente com a resolução de problemas, como produtos defeituosos ou problemas de cobrança, mas a verdade é que é muito mais do que isso.


Ou seja, o suporte de qualquer negócio pode (e deve) ser uma força para uma interação positiva e centrada no ser humano com seus clientes.


Portanto, não utilize sistemas de suporte robotizados, o mais adequado para humanizar sua marca é utilizar equipe de pessoas especializadas em suporte e comunicação para prestar suporte aos seus clientes.


Isso fará toda diferença, eles se sentirão acolhidos em qualquer problema que tiverem, mesmo que não sejam resolvidos na hora, somente pelo fato de que o atendimento foi de humano para humano.


Essa sem dúvida é uma das oportunidades para encantar seus clientes, retê-los por mais tempo e estimular a promoção boca a boca.



Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo