top of page

Aprenda a criar sua lista de e-mails e leads do zero



#PraTodosVerem - Imagem ilustrativa


A comunicação com sua base de clientes é algo que deve ser visto com bastante atenção por quem gerencia um negócio, para assim ser possível estabelecer uma melhor conexão com sua audiência, utilizando para isso uma lista de e-mails previamente criada.


Lista essa que pode contar com o contato tanto de clientes já fidelizados, como também daqueles usuários que apresentam uma certa possibilidade de virem a ser convertidos, sendo preciso apenas se aproximar de uma maneira diferente de tais indivíduos.


Missão essa que se apresenta aos mais diversos tipos de empreendimentos, já que em todos os segmentos de mercado existe a necessidade de se conectar da melhor maneira possível com o seu público, de forma a facilitar a conquista do seu número de vendas.


Para cada área comercial pode existir uma estratégia distinta a ser adotada, de acordo com o perfil do público a ser atingido, como um fornecedor de pneus para automóveis, cuja comunicação costuma estar direcionado a revendedores, tais como oficinas mecânicas.


O mercado digital, por outro lado, costuma lidar com uma relação mais direta com o público, diante da facilidade com que um usuário pode entrar em contato com os mais diversos tipos de companhias, em busca de adquirir algum item ou serviço de seu interesse.


E é justamente nas plataformas digitais que deve estar a atenção de quem busca crescer no mercado hoje, contando com os benefícios que estão disponíveis nesse meio digital, o que pode envolver desde a fácil busca por produtos até a praticidade da compra em si.


Algo que é válido tanto para quem fornece algum tipo de item digital como para serviços presenciais, já que o contato com um reboque para utilitário, por exemplo, pode ser feito atualmente com o auxílio de algum dos canais digitais disponibilizados por tal empresa.


Mas para que tal conexão seja possível, antes é necessário trabalhar de forma profunda a relação a ser construída entre uma empresa e os seus clientes, usando das melhores ferramentas disponíveis para estabelecer essa proximidade, possível no disparo de e-mails.


Contudo, para que o público adequado possa receber suas mensagens, e reagir da maneira que você espera, tornando-se um novo cliente, por exemplo, é necessário que essa comunicação seja direcionada ao perfil adequado de usuários.


E quando se fala sobre atuar junto da melhor correspondência diante de um perfil específico de audiência, acaba por se destacar a criação das listas de e-mails, um conjunto de contatos que pode contar com aqueles que podem se tornar seus novos clientes.


A relação entre as listas de e-mail e os leads


Antes de falarmos sobre a função e importância dessas listas, primeiro é necessário compreender melhor como funciona o perfil das pessoas que devem estar presentes nesses conjuntos de dados, tal como é o caso dos indivíduos conhecidos como leads.


Uma relação direta com o verbo em inglês “to lead”, levar a algo em português, os leads são justamente aquelas pessoas que apresentam algum tipo de sinal de que podem vir a se tornar figuras importantes para uma empresa, transformando-se em seus clientes.


Uma percepção que pode ser tida por uma empresa de tratamento de resíduos sólidos ao analisar o perfil de usuários que possam estar navegando na internet pesquisando por tal tipo de serviço, ou até mesmo ações mais diretas, como ligar para a companhia.


Após apresentarem um certo indício sobre o seu interesse em cima de um produto, serviço ou marca, cabe a quem gerencia um negócio saber como estabelecer uma conexão com esse público, estimulando esse interesse até que ele se torne em uma atitude de compra.


Etapa essa onde se encaixa a estratégia comercial conhecida como funil de vendas. Uma tática na qual uma empresa pode separar seus leads baseado no nível de interesse, estabelecendo então uma comunicação distinta para cada segmento.


Para indivíduos que acabaram de entrar em contato com os serviços de uma empresa, o mais adequado é falar sobre seu ofício, para só posteriormente apresentar a marca e conquistar uma venda para quem busca por eixo traseiro de suspensão para seu carro, por exemplo.


A função de uma lista de e-mails em relação aos dois conceitos citados está na organização dos contatos a serem feitos por um negócio, abrindo ou mantendo contato com um perfil de público que possa vir a ser conquistado, direcionando seus leads através do funil citado.


Diante do que foi apresentado, é fácil entender a importância de uma boa lista de e-mails, já que ela pode refletir no número de clientes a serem conquistados e mantidos por uma companhia, no entanto, é preciso ter cuidado em relação sobre como essa lista é feita.


Pode até parecer ser uma solução fácil, simplesmente comprar uma lista de e-mails, no entanto essa prática é vista de forma cada vez mais negativa, principalmente ao poder ferir os direitos de privacidade dos usuários em relação aos seus dados pessoais.


Por outro lado, ainda existe o fato de que esse tipo de estratégia pode ser mais prejudicial do que positiva, já que ao falar com um perfil que sequer conhece sobre o ramo financeiro, uma oferta da área pode acabar não sendo muito positiva.


Desse modo, caso o seu interesse seja oferecer uma antecipação de cartão de crédito, estude bem o seu público e entenda se esse é o seu desejo, principalmente para não desperdiçar tempo em uma estratégia ineficaz.


Fora que ainda existe o risco de certos usuários passarem a registrar o seu contato como spam, por causa do nível de volume de mensagens para um público não adequado, o que pode acabar criando uma imagem negativa para um negócio dentro das redes.


A solução para evitar esse tipo de situação é criar uma lista de e-mails do zero, agindo então para estabelecer uma melhor comunicação com seus leads a serem identificados e também acompanhados, para garantir novas compras para tal empreendimento.


E para que essa lista seja a melhor possível, existem algumas ações que devem ser consideradas, para que então um negócio acabe por alcançar até mesmo um melhor nível de rendimento dentro do seu segmento.


Criando uma boa lista de e-mails e leads


Para que uma boa lista de contato seja produzida é necessário estabelecer uma série de etapas antes mesmo da criação desse conjunto de dados, com o primeiro passo a ser tomado sendo então:


Preparação de objetivos


Cada lista de e-mails pode contar com um perfil distinto de público, o que faz com que uma só empresa possa gerenciar diversas dessas listas, cada uma criada para um objetivo distinto, como alimentar uma relação ou então apresentar um produto em específico.


Esse inclusive deve ser o primeiro passo antes da criação desse cadastro de informações, considerando o tipo de público que uma empresa busca atingir, o tipo de conteúdo que pretende produzir, tudo alinhado a quais são os seus objetivos no mercado.


Desenvolvimento de ofertas aos leads


Para que uma empresa de câmeras de monitoramento possa conquistar leads em seu segmento, é necessário desenvolver algum tipo de oferta inicial que chame a atenção desse público, facilitando até mesmo com que essa audiência forneça seus dados.


A disponibilização de certos conteúdos, como um e-book, pode estar associado a liberação de um endereço de e-mail, para onde essa produção será direcionada, estabelecendo assim uma comunicação direta com tal companhia.


Criação e promoção de landing pages


Uma estratégia a ser adotada para se conquistar o contato de um usuário, a ponto de colocá-lo dentro da sua lista de e-mails, é a criação de landing pages, páginas especiais que surgem sempre que um indivíduo clica em um link ou acessa um site.


As landing pages devem ser produzidas justamente com um objetivo de conversão, utilizando de conteúdos e também de uma linguagem específica a ser usada por empresas de equipamentos agrícolas, permitindo a conquista de atenção e interesse de um público.


É importante também que essas landing pages sejam amplamente divulgadas, sendo disponibilizadas nas principais plataformas de uma companhia, como o seu site, conforme citado anteriormente, mas também suas redes sociais, entre outras opções.


Avaliação de resultados


Com essa lista de e-mails em mãos é necessário olhar com atenção para os resultados alcançados, sendo necessário fazer uma relação entre os usuários contratados e o número de vendas ou qualquer que seja o objetivo de uma empresa.


Entre os propósitos a serem trabalhados é possível citar alguns como:


  • Novas vendas;

  • Maior alcance de público;

  • Engajamento com a marca;

  • Divulgação de novos produtos e serviços;


Resultados que devem ser estudados e considerados para os próximos passos a serem tomadas, a ponto de compreender se esse é o momento exato para uma empresa reformar sua marca, recorrendo a uma locação de backdrop para trabalhar nesse destaque.


Diante da produção dessas listas é possível estabelecer uma melhor relação com aqueles que podem vir a se tornar clientes, sendo importante garantir uma otimização constante dessas listas, conquistando a confiança do público desde o início.


Algo possível com o auxílio de uma estratégia criativa, trabalhando não apenas com a venda, para assim garantir com que esse objetivo seja cumprido como uma consequência da boa relação a ser estabelecida com os contatos presentes nessa sua lista.


Um conjunto de dados que pode acabar fazendo com que uma empresa obtenha melhores resultados, tudo a partir da composição da sua lista de e-mails a ser produzida.



Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


7 visualizações

Comments


bottom of page