top of page

SEO negativo: veja como é importante aprender



Na internet, o meio mais conveniente para estar nas primeiras posições nas buscas é através do SEO. Entretanto, assim como você pode estar em um bom posicionamento, há algumas práticas que fazem parte do SEO negativo, terror de muitas empresas.


Considerando que muitas empresas estão frequentemente buscando estar nos melhores posicionamentos no ranking dos buscadores, é interessante tratar sobre esse conjunto de práticas que podem deixar o seu site em condições complicadas.


Neste artigo, iremos abordar todos os aspectos importantes do SEO negativo, de modo que você consiga proteger o seu site. Antes de tudo, entenda o que de fato é o SEO negativo.


O que é o SEO negativo?


Em resumo, o SEO negativo acontece através de um conjunto de ações que são realizadas com o objetivo de prejudicar o posicionamento do site em determinados mecanismos de busca, como o Google, Bing ou Yahoo.


No geral, trata-se de ações que possuem o poder suficiente para colocar um site de sistema de ventilação para ambientes fechados, por exemplo, nas últimas posições de busca.


Algumas atualizações influenciaram a importância de debater sobre as práticas de SEO negativo. Especificamente, a atualização do Pinguim e do Panda (algoritmos do Google) proporcionou debates como esse.


Foi por meio destas atualizações que tornou-se possível rastrear e promover sanções para sites que não estivessem de acordo com as diretrizes do Google para webmaster.


Devido a este cenário, tornou-se ainda mais importante que sites de venda de peças para escavadeiras, por exemplo, tenham mais cuidado com o que publicam, além de, claro, promover uma segurança maior para o site.


Por exemplo, sites que utilizam técnicas de camuflagem e que utilizam a duplicidade de conteúdo de maneira errada foram os mais prejudicados nesse cenário.


Para que você entenda melhor, o contexto usado acima significa que, mesmo que você desenvolva uma estratégia de SEO bem estruturada, para colocar o seu site nas primeiras posições, se não mantê-lo protegido e frágil às ações do SEO negativo, ele perderá posições.


Em casos mais extremos, além do site perder muitas posições, ele ainda poderá sofrer sanções mais severas dos mecanismos de busca.


Ou seja, uma empresa que possui uma estrutura de SEO bem realizada, ao ponto de estar na primeira posição de uma pesquisa do tipo “chapa de alumínio preço” pode, eventualmente, perder suas posições com ataques cibernéticos.


Quem é o responsável por esse tipo de ação?


Ao realizar uma busca na internet, é possível identificar algumas empresas e pessoas que relatam ter sofrido algum tipo de intimidamento, como ameaças ou chantagens.


Em outras situações, há relatos até mesmo de ataques efetivos por parte de pessoas empenhadas em prejudicar o posicionamento de determinados sites.


Portanto, um gestor de um site de uma empresa de terraplenagem e pavimentação, por exemplo, pode estar sucedido a ataques.


Mas a pergunta que fica é: por que alguém iria parar o que estava fazendo para prejudicar o posicionamento de um site?


Realizando uma simples pesquisa na internet, você pode encontrar hackers que estão dispostos a fazer esse tipo de trabalho por, acredite se quiser, US$ 5,00.


Outro fator que pode ser responsável por essa queda de posicionamento relatada por empresas que têm sofrido ataques frequentes é de empresas que são concorrentes, e que possuem o interesse de melhorar o seu próprio rankeamento.


Para obter esse objetivo, essas empresas concorrentes praticam as ações de SEO negativo com o intuito de se beneficiar com a perda de posição do site que concorre diretamente no mercado.


Para tornar a situação ainda mais complicada, não é possível prever quem realizará esse tipo de ataque, por esse motivo é importante saber os danos e as formas de se prevenir destas ações que podem causar consequências às vezes difíceis de serem revertidas.


Quais os danos do SEO negativo?


Em resumo, os danos causados pelo SEO negativo conseguem ir mais além do que prejudicar o posicionamento do seu site. Confira abaixo quais são esses danos:


Fere a política de duplicidade, promovendo possíveis sanções


Dentre as práticas mais comuns que compõem o SEO negativo, envolve conteúdos de outros sites que podem ser copiados e colocados no seu site.


Logo, o seu site estará ferindo a política de duplicidade dos mecanismos de pesquisa, especialmente a do Google.


O ideal é que, se você possui um site sobre atividades físicas, crie conteúdos originais, como pautas sobre venda de aparelhos de musculação, por exemplo.


Se, por acaso, o mecanismo compreender que essa ação que foi desenvolvida em seu site possua o objetivo de prejudicar outro site, há grandes chances da sua página receber sanções, como ajustes no rankeamento e exclusão dos resultados de buscas.


Interfere na qualidade dos links de seu site


Através dos backlinks, é possível rastrear outras páginas que tenham links que direcionam os usuários para o seu site. Contudo, isso nem sempre é ruim, porque você pode ter links de sua página em outros sites, como uma forma de promoção do seu próprio site.


Entretanto, no caso de SEO negativo, o objetivo das ações é prejudicar o seu link, fazendo com que ele tenha uma baixa qualidade ou viole as diretrizes de qualidade dos mecanismos de busca. É dessa forma que o seu site começa a perder o posicionamento.


Outros danos decorrentes do SEO negativo


Quando um hacker consegue invadir o seu site, ele consegue facilmente excluí-lo, além de alterar o código do seu site para que ele não consiga ser encontrado pelos usuários.


Além disso, os hackers podem fazer com que a reputação da sua empresa fique prejudicada através da criação de perfis falsos nas redes sociais, levantando informações mentirosas a respeito do seu negócio.


Como deixar o seu site protegido?


Até aqui você provavelmente percebeu que os impactos causados pelo SEO negativo são, de fato, preocupantes. Portanto, a pergunta que fica é: como proteger o site desses ataques?


Inicialmente, você precisa estar atento às ações que você recebe e que estão sendo realizadas pelo seu site.


Algumas dessas ações são suficientes para que você perceba que o seu site está sendo alvo de ataques. Confira os cuidados a serem tomados:


1. Atente-se aos programas maliciosos


A base de tudo, para manter o seu site seguro, é observar a presença de vírus e malwares, e assim que identificados, deletá-los imediatamente.


Trata-se de um processo semelhante ao de uma auditoria em restaurante, fazendo com que o seu site esteja de acordo com os requisitos de segurança.


Caso o seu site comece a enviar esses vírus para os usuários, logo a reputação da sua empresa fica extremamente prejudicada.


2. Observe a duplicidade de informações


Dentro da internet, não há nada de errado em publicar o conteúdo que foi produzido por outro site, desde que você dê os créditos da fonte daquelas informações.


Mas, como já foi dito neste artigo, a duplicidade de informações, quando realizada de maneira inadequada, ignorando as políticas dos mecanismos de busca, pode ser um indicativo de que seu site esteja sofrendo com as práticas do SEO negativo.


3. Não ignore as menções sociais


No decorrer do artigo, você pôde entender que as redes sociais, nas mãos de hackers, podem ser uma arma poderosa para realizar ataques a um site ou empresa.


Portanto, vale a pena monitorar frequentemente o que as pessoas estão falando sobre o seu negócio. Isso significa considerar qualquer tipo de comentário, ou seja, se você possui uma loja que vende spray aromatizante, não ignore as menções sobre a sua mercadoria.

4. Acompanhe sua lista de backlinks


O quarto cuidado a ser tomado, é saber como andam as menções de links da página que você costuma administrar na internet.


Se estas estiverem desenvolvendo conteúdos de baixa qualidade ou mesmo links desqualificados, vale a pena ficar atento, afinal, isso pode comprometer seriamente o posicionamento do seu site.


5. Monitore a velocidade do seu site


Por fim, procure acompanhar de perto como anda a velocidade da sua página e, quando sentir necessidade, faça modificações com o objetivo de melhorá-la.


No mais, tenha em mente que, se você possui um site que trata sobre instalação de cabeamento estruturado, quanto mais rápido ele for, mais chances de você ter negócios realizados.


A importância de cuidar do seu site


Embora na maioria das vezes o SEO negativo seja decorrente de ataques hackers, vale pontuar que suas próprias práticas podem estar ocasionando problemas de posicionamento.


Dito isso, entenda que algumas medidas são contrárias às políticas de posicionamento e rankeamento dos mecanismos de busca, portanto, evite as seguintes ações:

  • Não crie links para sites que já foram penalizados;

  • Não use palavras-chave escondidas no código fonte;

  • Não compre links;

  • Não publique altas quantidades de postagens de divulgação.

Evitando estas ações, consequentemente a estrutura do seu site estará menos suscetível a perder posicionamento.


Contudo, concluímos este artigo ressaltando a importância de manter o seu site protegido. Não economize recursos nesse sentido, afinal, o seu site é, automaticamente, a imagem do seu negócio.


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


11 visualizações

Comments


bottom of page